Câmara Municipal de Timon nega título de cidadão a Bira do Pindaré

O prefeito de Timon, Luciano Leitoa (PSB), e sua base aliada na Câmara Municipal por pouco não passaram por um tremendo vexame nesta quarta-feira (6).

A pedido do socialista, o presidente da Casa, vereador Uilma Resende (PDT), colocou em pauta um projeto que concederia título de cidadão timonense ao deputado estadual Bira do Pindaré (PSB) – que será apoiado por Leitoa nas eleições de 2018.

Ocorre que o pedido não foi muito bem recebido pelos parlamentares, que se mobilizaram para rejeitar a homenagem.

Diante da iminente derrota – e do vexame -, Resende decidiu retirar o projeto de pauta. E não se sabe se ainda o colocará em votação algum dia.

 

 

 

Fonte Gilberto Léda

Tiririca se despede: “Estou decepcionado com a política”. Veja o discurso

Em seu primeiro e último discurso na Câmara, o deputado federal Tiririca (PR-SP) anunciou nesta quarta-feira 6 sua despedida do Congresso. No plenário, o deputado chegou a anunciar o abandono da vida pública, indicando a renúncia, mas depois afirmou que cumprirá seu mandato até o fim e não vai se candidatar à reeleição. Alegando estar “com vergonha”, se disse decepcionado com os colegas e com a política brasileira e pediu que os outros parlamentares “olhem pelo País”.

Tiririca estava em seu segundo mandato. Em 2010, foi o mais votado em São Paulo, com 1,35 milhão de votos. Em 2014, teve 1,01 milhão de votos e ficou em segundo lugar, atrás de Celso Russomanno (PRB-SP).

A renúncia de Tiririca se dá dias depois de ele conceder uma entrevista ao Conexão Repórter, do SBT, na qual disse ter recebido propostas de propina em troca de voto. Nesta quarta, ele indicou que não vai denunciar os agora ex-colegas.

“Eu jamais vou falar mal de vocês em qualquer canto que eu chegar e não vou falar tudo o que eu vi, tudo o que eu vivi aqui, mas eu seria hipócrita se saísse daqui e não falasse realmente que estou decepcionado com a politica brasileira, decepcionado com muitos de vocês”, afirmou. “Eu ando de cabeça erguida porque não fiz nada de errado, mas acho que muitos dos senhores não têm essa coragem”.

Confira a íntegra do discurso de Tiririca:

Após exonerações, PRB rompe com Doria e o enfraquece na Câmara de São Paulo

Vereador Souza Santos (PRB) e Prefeito João Doria (PSDB) em evento

 

Um dos partidos mais numerosos da base do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), o PRB decidiu romper com o governo e seus vereadores não precisarão mais apoiar projetos do Executivo em votações na Câmara de Vereadores. A saída do PRB da base governista aconteceu após a exoneração de funcionários indicados pelo vereador Souza Santos (PRB).

Na avaliação da Prefeitura, o parlamentar vinha dificultando a aprovação da privatização do Anhembi. A retaliação não foi bem recebida pelo PRB e a legenda optou pela ruptura. “O governo tratou o PRB de forma deselegante, desrespeitosa e radical. Na política, não se faz dessa forma”, diz Aildo Rodrigues, presidente municipal do PRB.

Com quatro vereadores, o PRB tem a quarta maior bancada da Câmara paulistana, atrás do PSDB (11), PT (9) e DEM (5). Com a saída do PRB, Doria passaria a ter 40 parlamentares em sua base. Para conseguir a aprovação de um projeto de lei, ele precisa de 28 votos. O último projeto aprovado, que liberava empréstimos de até R$ 1,4 bilhão e a cobrança de impostos sobre serviços de streaming, como o Netflix, foi aprovado com 31 votos.

Rodrigues afirma que a prefeitura chegou a oferecer a devolução dos cargos, mas que o PRB recusou a proposta. O vice-prefeito Bruno Covas não considera as demissões como motivo do afastamento entre as partes. O PRB já não votava com o governo antes das demissões. “Não se perde o que não sem tem”, afirmou Covas.

Segundo Rodrigues, os quatro vereadores do partido receberam a orientação de votar “sem a interferência do governo municipal”, a orientação é a de que o partido seja “independente” na Câmara.

Santos foi atingido diretamente pela demissão de seu irmão, Gilmar Souza Santos, que era secretário adjunto de Habitação. O PRB foi impactado pela demissão de Marcia Mendes, superintendente do serviço funerário, setor no qual o partido tem bastante influência há anos.

Além das divergências na Câmara, Doria tem encontrado resistência aos projetos de privatização também por parte do Tribunal de Contas do Município. Os planos de privatização do Anhembi, de reforma de pontes nas marginais Tietê e Pinheiros e de concessão dos cemitérios foram barrados pelo TCM antes mesmo da publicação de editais de licitação.

Depois da disputa no PSDB com seu padrinho político, Geraldo Alckmin, para a indicação tucana para a Presidência da República em 2018, Doria sofreu desgastes e não decolou nas pesquisas. Agora, Doria Agora, poderá tentar uma vaga ao governo de São Paulo –para isso, terá que sair do cargo antes do início de abril.

Ex-prefeito de Barra do Corda, no Maranhão, é assassinado com tiro no pescoço

ex-prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa, conhecido também como Nenzim, foi assassinado com um tiro, que o atingiu no pescoço, na manhã desta quarta-feira (6), segundo informações da Polícia Militar. O atentando foi por volta das 8h30, em Barra do Corda, distante 341 km de São Luís. Os policiais da cidade ainda levantam mais detalhes sobre o crime e imediatamente acionaram miliatres de municípios vizinhos para reforçar as buscas aos suspeitos.

Pelas informações que os policiais conseguiram até o momento, dois homens em uma motocicleta se aproximaram de Nenzim e seu filho e dispararam várias vezes e um dos tiros atingiu o pescoço da vítima. O filho não foi ferido pelos tiros, segundo a PM.

Nenzim foi encaminhado imediatamente à UPA de Barra do Corda e depois foi transferido para um hospital em Presidente Dutra, mas a polícia confirmou que ele não resistiu ao grave ferimento e faleceu minutos depois de ter sido atingido.

Nenzim é pai do deputado estadual Rigo Teles (PV) e por três vezes assumiu o cargo de prefeito de Barra do Corda.

Nota da Secretaria de Segurança Público (SSP-MA):

A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), por meio da Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), informa que já foi instaurado inquérito policial para apurar o caso, que será investigado pela Superintendência Estadual de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP), em parceria com a Delegacia Regional de Barra do Corda. As forças de segurança estão em diligência para localizar os envolvidos no crime, que resultou na morte de Manoel Mariano de Sousa.

Bokaloka se apresenta em Teresina neste Domingo

A banda de renome nacional Boka loka se apresenta no mais novo espaço de Teresina “ Arena Dikas”, neste Domingo (10).  As atrações começam às 15 horas com o “esquenta” do É Show, a apresentação do Doce ilusão e Gyllys Black,

Rafael Dikas , já comemora o sucesso das vendas antecipadas para o evento, que disponibiliza ingressos para o Maior open bar de Teresina . Os primeiros lotes já se esgotaram, fato que garante o sucesso antecipado do evento.

Na região central, os ingressos podem ser adquiridos na Banca do Zezinho . Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (86) 998013012

 

Em janeiro de 2006, o Bokaloka gravou seu primeiro DVD Com as musicas que ainda hoje estõa fazendo um mega suscesso e que iremos todos ouvir e se apaixonar no pagode MEU SAMBA. (ELA MEXE COMIGO, DUAS PAIXÕES,MELHOR AMIGA DA MINHA NAMORADA essa e uma das musicas que vai agitar a galera de Teresina